Jun
07
2 anos de Studio Teia de Jogos: o que comemorar?
No último dia 31/05 fizemos dois anos dessa viagem, dessa construção de algo que sinceramente, eu achei que estaria condenada em 6 meses, por falta de adeptos. Temos muito a comemorar, mas ainda há coisas demais a se fazer.

Nesses dois anos eu passei por praticamente todos os processos possíveis dentro desse mercado, menos o lançamento de um jogo em mídia física ( estamos tentando, vamos ver se com 3 anos a coisa melhora).
Com  esse tempo de estrada, tantas pessoas vieram e se foram, Tantos infelizmente foram sumindo, outros se tornando cada vez mais importantes dentro do nosso processo de criação e de modificação 
constante.
Mais do que uma celebração do que passou, esse aniversário foi voltado para os futuros passos do nosso Studio,  e sobre a única coisa que decidimos não fazer, independente dos resultados: desistir.

O que pensar sobre o futuro do Studio?

Existem tantas coisas que eu adoraria contar para vocês sobre os nossos planos, coisas que passam pela mente e que precisam ser colocadas efetivamente como um plano antes de serem citadas em voz alta, especialmente em público.
O que temos certeza é que vamos mudar, vamos melhorar alguns aspectos e nos tornarmos mais profissionais em diversas questões.
Durante os dois primeiros anos nós estivemos buscando nosso espaço, na verdade o tipo de espaço que queríamos ocupar. Pensamos em muitas coisas, mudamos de opinião mais vezes do que vale à pena comentar, mudamos de fornecedor, de sócios, de planos.
Nada que você, que acompanha a gente, não esteja cansado de ler aqui “ahn, lá vão eles mudar de ideia de novo”. Dessas mudanças a gente chegou em um ponto em que temos uma ideia muito mais 
clara dos nosso objetivos e das nossas vontades.
Agora o processo é o que se chama de “monetização”. Apesar de sermos eternamente gratos aos padrinhos que já temos, queremos mais padrinhos e claro, vender os jogos de forma física, de alguma forma. Achamos justo monetizar o que temos e oferecer aos autores uma possibilidade melhor de valores juntamente conosco.

Essa é a nossa ideia, definitivamente nos tornarmos um negócio, efetivamente. Obviamente precisamos de vocês, nosso público, sejam os que já estão conosco há muito tempo e os que estão chegando graças à nossa campanha e financiamento coletivo.
Jun
01
Hoje é nosso aniversário e nós vamos pedir um presente

Sim. Hoje é o dia do aniversário do Teia de Jogos, o blog que era um projeto e hoje é um Studio de jogos PNP, e que, se depender de todos os nossos padrinhos, parceiros e amigos, vai ainda mais longe.

Um pequenos spoiler de como está ficando o manual!

Infelizmente temos de pedir uma coisa que não queríamos pedir na data de hoje: mais tempo.

Infelizmente o Machina: Simulacro de Guerra, não vai sair hoje. Não foi possível, devido às alterações no manual e uma última ilustração, especialmente trabalhosa que precisamos fazer para uma das cartas de tecnologia. Nosso novo prazo é, no máximo, até 10/06.

Pelo que observamos no jogo finalizado, ele com certeza vai valer à pena. De qualquer forma, pedimos sinceras desculpas e estamos nos esforçando para melhorar ainda mais os nossos serviços a vocês, que gostam e acompanham nosso trabalho.

Bem… Nem só de desculpas será feito esse post. Falaremos de algumas coisas que andamos fazendo e umas coisas que estamos fazendo e planejando.

Esse é o melhor momento para apadrinhar o Studio Teia de Jogos

Isso porque a gente vem se ficando em desenvolver um estilo diferenciado de trabalho, que chegou a sua primeira conclusão nesse mês. Os brindes terão um upgrade, e teremos algumas novidades secretas que somente os padrinhos terão acesso. Depois da decisão deles, nós abriremos umas pesquisas entre as diretrizes que os padrinhos nos darão a respeito de conteúdo, os próximos jogos a serem produzidos e ainda mais outras vantagens, que só entrando para saber!

Nem precisamos apresentar de novo, né? 
Outra parte importante desse apoio no momento em que estamos é nos ajudar a traçar as novas metas do Padrim, baseado em questões que queremos perguntar para as pessoas, mas primeiro para os padrinhos.
A arte de pedir ou de perguntar?

“The Art of Asking”, o título original do livro da Amanda Palmer que sempre foi uma das nossas mais fortes inspirações, pode ser traduzido como “A Arte de Pedir” ou a “Arte de Perguntar”. Seguindo por este preceito, decidimos deixar bem claro que queremos ouvir as sugestões de vocês, e logo mais faremos uma grande pesquisa entre os jogadores de boardgame que estiverem dispostos a nos ajudarem com suas opiniões sobre o que estamos fazendo e como isso pode ficar ainda mais interessante.

Não percam a chance de opinar e se envolver ainda mais com os nossos trabalhos. Seja apadrinhando ou apenas baixando os jogos ou ainda respondendo nossas pesquisas. Se ficou com dúvida, perguntar não ofende!

May
11
Keep Calm and Print & Play: 3 PNPs super fáceis para você começar!

Como parte da nossa campanha de aniversários, a campanha Keep Calm and Print & Play volta com tudo! Decidimos fazer algumas intervenções e brincadeiras para comemorar esse 1 ano do blog que começou esse Studio que vocês conhecem e tanto gostam! (esperamos).
Já começamos dando coisas para vocês! Os materiais da campanha para vocês personalizarem seus perfis e capaz de facebook e demonstrarem seu apoio ao nosso Studio!
Foto de perfil EU FAÇO PARTE DESTA TEIA (BAIXE AQUI)
Capa de perfil EU FAÇO PARTE DESSA TEIA (BAIXE AQUI)
Capa de perfil KEEP CALM AND PRINT AND PLAY (BAIXE AQUI)  
Isso é mais importante do que pode parecer, por isso mantenha a nossa bandeira hasteada na sua mídia social, para que a gente saiba que vocês estão lendo e que vocês se importam.
Compartilhem a ideia, compartilhem esse post com pessoas que vocês acham que nunca souberam o que afinal é um Print & Play, porque percebemos que muita gente nem tem ideia direito do que se trata.
Print & Play 01: partindo do princípio
Hoje o post é para você, recém-chegado ao hobby, ainda conhecendo as maravilhas dos jogos de tabuleiro moderno e todas as suas nuances e estilos.
Você deve ter começado a jogar com os jogos de seus amigos, e está pensando ainda quais serão os seus primeiros jogos. Como o investimento para se ter um jogo para chamar de seu andam cada vez maiores, essa não é uma decisão a ser tomada levianamente.
Ao mesmo tempo, você já deve ter ouvido falar de homemades, versões caseiras de jogos comerciais de editoras. Fugindo totalmente da polêmica ao redor destes jogos, os PNPs (Print & Play) têm como única semelhança dos homemades o fato de que podem ser feitos em casa. A quantidade destes jogos que você pode fazer em casa é enorme em inglês, e existem muitos em português, embora ainda exista certo preconceito entre os desenvolvedores sobre a questão de liberar seus projetos em PNP, por motivos que podem ser explorados em outros textos.
O Studio Teia de Jogos está a um ano cumprindo este objetivo, de mostrar que os jogos em PNP podem ser uma excelente opção tanto para quem quer jogar quanto para quem quer desenvolver. 
Acreditamos que nossa ideia está gerando frutos, já que temos em nosso acervo, além de jogos nossos, jogos de outros autores e inclusive o demo de um jogo a ser lançado pela Funbox Jogos, empresa de grande renome no mercado nacional!
E você acha que fazer os jogos é difícil? Não, não é! Há algum tempo nós fizemos um tutorial, coisa que na época presumimos que seria desnecessário. Hoje percebemos nosso erro, e pretendemos retomar essa questão. Para os jogos nos quais falaremos hoje, você precisará só desse tutorial inicial nosso aqui (desculpem as fotos escuras, por favor).
Motim pirata: O PNP mais fácil do nosso blog por motivos de não há praticamente nada a imprimir! Você imprime as regras do site da Coisinha Verde Jogos e compra os dados em sua loja de preferência (nós recomendamos os da Ludeka! Acesse aqui e compre). Divertido e emocionante, este jogo é perfeito para uma mesa de bar ou para aquecer os motores para uma noite de jogos! Encontre todas as informações dele aqui!
Pocket Imperium: O demo do jogo da Funbox do qual falávamos, Pocket Imperium é um jogo muito divertido e interessante, perfeito para quem quer algo emocionante entre 2 e 3 pessoas e está interessado em gastar pouco. O jogo é feito, basicamente de cartas, então o nosso tutorial vai servir. O Kit da Ludeka dá um charme a mais ao jogo. Baixe os arquivos e conheça o Kit da Ludeka aqui!
Os Campos do Caos: um dos nossos jogos autorias, uma mistura divertida de estilos de jogos diferentes, feito para uma divertida e estratégica experiência entre 2 e 4 pessoas. Cheio de artimanhas e sempre apresentando um desafio diferente, é extremamente simples de cortar, a grande diferença aqui é o tabuleiro, que pode ser resolvido com um simples papel Paraná. Baixe seus arquivos e conheça o Kit da Ludeka aqui!
Gostaram das dicas? Sabem de algum jogo que querem no nosso blog? Tem um jogo e quer nos mostrar? Entre em contato com a gente!
Free Web Hosting